domingo, 4 de dezembro de 2011

Lentes de contato 3D


A nova geração projeta imagens na frente do usuário

Por Eduardo Prestes
eduardo.prestes@arcauniversal.com

Imagine lentes de contato capazes de projetar imagens na frente do usuário. Este fato está mais perto da realidade do que se pensa, depois que cientistas das Universidades de Washington, nos Estados Unidos, e de Aalto, na Finlândia, testaram com sucesso o aparelho em animais. Os pesquisadores responsáveis por desenvolver a lente biônica dizem que os primeiros testes, realizados em coelhos, não registraram efeitos adversos evidentes da invenção.
A tecnologia permitiria a leitura de textos, como emails, por meio de projeções holográficas, assim como o aperfeiçoamento da visão através de imagens geradas por computador. Incrementada através da implantação de centenas de pixels – o menor elemento de uma imagem digital –, a nova geração de lentes poderia ser usada por motoristas para ver mapas através de realidade virtual, ou checar a velocidade do carro projetada no para-brisa.
Os cientistas afirmam que há uma série de possibilidades nas quais as lentes poderiam ser utilizadas, como elevar o mundo virtual de um videogame a um nível totalmente novo. Os instrumentos podem ser conectados a biossensores no corpo do usuário e prover informações, por exemplo, sobre o nível de açúcar no sangue.
Em relação ao protótipo, o produto final ainda precisa ser aperfeiçoado. Atualmente, a lente só funciona em um raio de poucos centímetros da bateria sem fio. Apesar das limitações, os pesquisadores reforçaram seu otimismo em relação ao experimento em um artigo na revista científica Journal of Micromechanics and Microengineering.
O coordenador das pesquisas, o professor Babak Praviz, disse que o grupo já conseguiu superar um importante obstáculo, ao adaptar a lente para permitir que o olho humano focalize objetos gerados na sua superfície: “Normalmente, conseguimos ver com clareza apenas os objetos localizados a vários centímetros de distância. O próximo passo é acrescentar textos pré-determinados nas lentes de contato", disse o cientista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...